Semana 15: O que há de pior no mundo virtual?

Fonte: Pinterest

A imagem a cima é um belo exemplo das coisas ruins que se sucederam com a chegada da internet. Existe maior preocupação em fazer sensacionalismo com algo trágico do que de se preocupar com as pessoas feridas na situação.

A bíblia diz que o que a mão direita faz a esquerda não fica sabendo, ou seja, se você faz algo bom não precisa divulgar, pois não é das pessoas que vem a recompensa de ser generoso ou bondoso, porém hoje em dia se alguém ajuda um mendigo é capaz de irar foto e legendar que as pessoas deveriam agir assim como o fulano está fazendo, não estou querendo dizer o que é certo ou o que é errado, ou se quem posta esse tipo de foto está querendo se gloriar e tal, mas o que me irrita é a pessoa dizer que os outros tem que ser como ele, só que essa pessoas se esquece que tem muita gente que faz o bem e não fica divulgando. Que fique claro que não é o ato da publicação de fotos, e sim o se gloriar nisso. A felicidade de fazer algo ao seu próximo tem que fazer bem ao seu coração, apenas isso. Com tudo isso dito, digo que para quem gosta continue, mas que você seja inspiração para as outras pessoas, através dos seus atos divulgados.

Então vamos lá ao Top 5:

1 – Pornografia.
2 – Propagandas em excesso nos sites.
3 – Correntes em tudo quanto é lugar.
4 – Pessoas que reclamam da vida ou que mandam indiretas tão sem noção. – Não que isso tenha acontecido comigo, mas é cada coisa que eu leio nesse Facebook.

 5 – E o tal do troco likes – isso também nunca aconteceu comigo, mas vejo as pessoas fazendo isso direto e é muito irritante. 

Parceria com a Escritora


Boa noite pessoal!!!
Como vocês já viram por aí nas minhas redes sociais, o meu livro O Coração de Lizzie, já está à venda na Amazon, mas eu resolvi fazer esse post para informar que estou abrindo a política de parceria para todos que são blogueiros e youtubers (ou que escreva no Instagram e em página do Facebook) e que tenham interesse de ser parceiros da escritora que vos fala. Lembrando também que eu aceito fazer parcerias com escritores, então se alguém quiser pode me mandar um e-mail dizendo que é autor(a) e que deseja estabelecer parceria.


- Para quem quiser ser parceiro mande um e-mail para mim no seguinte endereço: denisebeliato@hotmail.com
Assunto: Parceria com a Autora
Corpo da Mensagem:  Link do seu blog (página, Instagram ou outros)


- Outras informações:
1  - A princípio a vaga de parceiros será para 5 pessoas, podendo aumentar de acordo com o tempo ou a demanda.
2 – Para aqueles que se escreverem vou estar enviando um e-mail de conformação no dia 12 de Julho, solicitando alguns dados para a divulgação dos selecionados.
3 – Até dia 15 de Julho estarei enviando o livro em PDF para a leitura.
4 – Se tiver dúvidas, mande-me um e-mail com o assunto: Dúvidas sobre a parceria.
5 – Fiquem à vontade para solicitar entrevista, responderei com muita alegria.
6 – Leia logo a baixo as políticas de parceria.

POLÍTICA DE PARCERIA
Antes de solicitar parceria, leia atentamente a Política de Parceria abaixo:

- Os livros que disponho são e-book, portanto, é necessário que o blogueiro tenha disponibilidade para ler em pdf e se comprometa a resenhá-los;

- Os romances são do gênero religioso (cristão evangélico), desta forma, solicite parceria somente se tiver interesse e afinidade com esse estilo, ou mesmo, se tiver curiosidade e nadica de preconceitos;

- O pdf enviado não deve ser distribuído a outros sem autorização;

- Respondo entrevistas numa boa (: e mando novos materiais de divulgação sempre que o blogueiro quiser;

- Avisar quando divulgar nas redes sociais as novidades sobre os livros, para que eu possa divulgar as publicações; Podem me marcar pelo Facebook, Instagram ou mais seguro, enviar o link da resenha por e-mail.


- Colocar a resenha na página do livro na Amazon.com.br (importante) e em outras redes que o blogueiro achar melhor.

- Demais regras será no e-mail de parceria, mas será coisas básicas, tipo: seguir blog a página...

Até a próxima e ficarei aguardando as parcerias.

Semana 14: Meus sites preferidos na internet:



Não vou dizer que são meus sites preferidos, mas são os que eu mais visito, então vamos lá:

1 - Youtube - Amo assistir vídeos de recebidos e algumas resenhas.

2 - Sinônimos - uso muito esse site quando vou escrever meus livros e estou usando-o para o TCC, pois não gosto de ficar repetindo palavras, o texto fica muito pobre.

3 - Hotmail - Acho que eu entro todo dia para apagar mensagens e ler as importantes.

4 - Google - Quem não!?

5 - Amazon - sempre estou a procura de um novo livro.

Semana 13: Fico sem graça quando…

Fonte: Pinterest

1 – Quando recebo elogio: Eu não sei receber elogio sem ficar com o rosto todo vermelho.

2 – Ser o centro das atenções: Isso serve para quando estão cantando parabéns para mim, explicando um trabalho ou qualquer coisa que eu esteja fazendo que todos têm que olhar para mim, eu até gosto, mas fico muito sem graça.

3 – Correção em público: Sabe aquelas pessoas que gostam de corrigir qualquer coisa, mas não pelo seu bem e sim para te humilhar!? É disso que eu estou falando. Eu aprendi na bíblia que a gente deve falar a verdade em amor e isso serve para qualquer momento.

4 – Dançando desprevenida: Eu danço no ministério da igreja, mas quando eu resolvo fazer isso em casa ou em outro lugar e alguém me vê, morro de vergonha.


5 – Ganho presente: Eu amo ganhar presente, mas fico sem graça, a primeira coisa que penso é dar algo para a pessoa no mesmo valor ou tamanho, ou até melhor. Isso pode ser chamado de Síndrome de Sheldon Cooper!?

MDUQE - Por trás da História



Olá pessoal!

Já faz alguns dias que tenho divulgado o meu livro O coração de Lizzie por aqui e pelas minhas redes sociais, e até esses dias ele estava completo lá no Wattpad, mas agora você pode adquiri-lo para seu Kindle lá pelo site Amazon. Vou estar deixando o link no fim deste post.

O que quero partilhar com vocês hoje é um resumo de como me tornei escritora e cheguei a escrever o meu livro. A ideia desse post é ocasionalmente por causa do nome do blog, pois a intenção do nome escolhido é falar sobre a minha trajetória como escritora. O que vocês leram hoje é uma parte resumida do pouco que já vivi, mas durante um tempo indeterminado estarei falando de cada momento com mais detalhes. Espero que vocês gostem e se tiver algum momento que quiserem saber um pouco mais é só avisar nos comentários que estarei preparando os outros post para sair o mais rápido possível.

Vamos lá!!!

Pouco antes de terminar o Ensino Médio, eu comecei a me tornar uma leitora voraz, embora lia antes, mas não com frequência e não qualquer livro, para falar a verdade eu não me considerava uma leitora, pois lia apenas gibis e lutava para ler as literaturas que as professoras pediam.

Certa vez, eu e minha amiga vimos na biblioteca da escola, os três primeiros volumes do Harry Potter e a gente ficou louca para ler, pois não sei por qual motivo eu já era fã do garoto sem ao menos ter lido nada dele, então estava decidido, eu ia fazer os empréstimos dos livros na biblioteca e ia me tornar uma leitora.

Em um belo dia varrendo as folhas do quintal de casa eu ouvi uma vozinha falando comigo mais ou menos assim: Você nunca leu a bíblia inteira e vai ler esses livros!? Aquela voz me incomodou e me despertou para algo mais além. Eu decidi que não leria Harry Potter, e sim que ia começar a ler a bíblia, então eu comecei a devorar a bíblia dia após dia.

Com isso eu comecei a procurar leituras agradáveis e deixei HP de lado, foi então que meu líder passou para mim uns ebooks de livros evangélicos. Eram centenas de livros e eu disse a mim mesma que leria esses livros todos – É claro que isso não aconteceu – mas, eu li bastante e no meio desses livros eu descobri os livros da Robin Jones Gunn – Que para quem conhece, levante a mão todos que pensaram que era um homem – A série Cris ganhou meu coração logo de início, li o primeiro livro em poucos dias e o segundo li em uma tarde. Fiquei maravilhada por conhecer essas obras tão lindas e que se trata de romance cristão, que comecei a procurar mais sobre livros assim. Muito antes disso eu sempre quis ter um blog, ficava horas na internet fazendo blog aqui e ali até conseguir fazer algo que me agradasse, só que eu não tinha ideia sobre o que escrever, então meus blogs iam ficando de lado.

Na procura por romances cristãos me deparei com alguns blogs que os autores postavam suas histórias e daí em diante comecei a seguir e ler esses blogs. Ficava cada dia mais encantada com esse mundo dos livros que por muito tempo, bem antes de me tornar uma leitora, eu criava histórias na minha cabeça todos os dias antes de dormir. Eu não falava para ninguém, aquelas histórias eram todas para mim, só depois de uns anos é que acabei dividindo com minhas amigas sobre essas histórias e com isso ganhei admiradoras, então sempre nos finais dos cultos de domingo a gente se reunião em rodinha enquanto nossas mães conversavam, eu contava para elas a história que eu estava criando, como se fosse um capítulo por semana. Eu me diverti bastante naquela época e eu sei porque demorei a contar para elas, acho que pensei que elas achariam que sou louca ou coisa parecida.

Depois disso, minha amiga Ana Carla me sugeriu que eu escrevesse um livro, pois eu tinha potencial. Eu nunca achei que isso fosse possível, mas depois daquelas palavras de encorajamento comecei a poderá sobre o assunto e dei início a minha primeira história que a nomeei de Desafinados no Amor, não era uma história cristã, mas eu estava feliz com o meu feito, só que acabei jogando a história fora e não me lembro o motivo, até hoje me arrependo, mas ela está bem gravada na minha mente.

Com enorme vontade de ver e ler livros edificantes espalhados por aí decidi que estava na hora de começar a pôr a mão na massa e começar a escrever. Por alguns meses comecei a escrever e publicar em meu blog a história da Nicoly, só que com uma leitura aqui e outra ali, comecei a melhorar meu vocabulário e minha forma de escrever, e as ideias fervilhavam minha mente, então eu parei de escrever essa história, pois ela viraria uma série que englobaria três personagens e só parei, pois queria que a história ficasse maravilhosa, por isso parei e acredite, se passaram longos anos e ela só evolui, mas ela está um pouco abandonada, pois quero dedicar um precioso tempo nesta série e requer muita dedicação, assim como todas as outras histórias.

Manuscrito do Livo
E foi nessa parada que surgiu O coração de Lizzie, não consigo me lembrar realmente o que me inspirou a criar essa história, a única coisa clara em minha mente era a cena da praça que se passa logo no primeiro capítulo. Essa cena estava construída tão bem em minha mente que eu desliguei o computador e comecei a escreve-la em um caderninho. Tenho até hoje as primeiras páginas dessa história, só me arrependo de não ter datado o dia em que comecei, pois queria ter noção de há quantos anos estou nela, para ter uma ideia e se não me falha a memória, tem mais de 10 anos. Sei que demorei muito nela, pois passei por um bloqueio criativo terrível e toda vez que ia escrever alguma coisa, acabava relendo tudo que já tinha escrito e quando chegava nas palavras finais não tinha ideia nenhuma para continuar, então o texto ficou parado por muito tempo. Até que em 2016 algo me despertou novamente e comecei a escrever sem olhar para os capítulos anteriores e pôr fim a história ficou pronta. É gratificante poder ter concluído esse projeto, pois em minhas orações eu sempre pedia sabedoria à Deus para que eu pudesse escrever, não para adquirir fama, pois não sei e nunca saberei lhe dar com isso, mas minha única intenção é tocar os corações das pessoas e que cada palavra que eu escrever venha fazer a diferença na vida de quem ler, pois é Deus o meu maior inspirador e é d’Ele e para Ele toda a glória.

Bom esse texto eu disponibilizei nas páginas finais do ebook  e isso é só um pouco do que passei, mas quero que comentem e deem suas opiniões. Cada sugestão ou crítica construtiva será bem-vinda. E se você ler o livro não esqueça de dar sua opinião. Ficarei muito agradecida.

Adquira o livro O Coração de Lizzie: Aqui!

P.S: A Sigla MDUQE representa o nome do blog - Memórias de uma Quase Escritora. Essa sigla será uma marcação para falar sobre a minha trajetória de escritora.



Semana 12: Coisas pra se fazer no frio:

Fonte: Pinterest
Olá pessoal, eu sei que tenho passado pouco tempo por aqui no blog, mas como já expliquei lá na minha página no facebook, eu estou no fim da minha faculdade, vou me casar em Agosto, estou escrevendo meu TCC e ainda tenho que preparar as aulas para o Estágio de Inglês, as coisas estão tão difíceis que nem escrevendo eu estou, mas todas as segundas e sextas-feiras estou postando capítulos do meu livro O Coração de Lizzie lá no Wattpad (Clica Aqui!), mas como já falei isso farias vezes, então vamos ao que interessa, que é a postagem do 52 semanas.

Coisas para se fazer no frio:

1 - Dormir: Eu já durmo muito bem no calor, imagina no frio, mas isso só nos finais de semanas e feriados, pois a pessoa aqui trabalha e estuda muito.

2 - Ficar lindona: A melhor época para se arrumar e sair na rua e não suar é no frio. A gente fica mais bonita, mais elegante e é por isso que eu adoro frio (só que ele chega em todos os estados do Brasil, menos em Sinop/MT)

3 - Comer brigadeiro: Quer saber? Vou parar com a ladainha de que faço essas coisas no verão, mas todos tem que admitir: tudo isso no frio fica muito melhor.

4 - Filme: Eu posso estar enrolada de coisas para fazer, mas se tiver fresquinho eu sinto vontade de assistir algum Filme/Série.

5 - Beber bebidas quentes: Café, chá, chocolate-quente, cappuccino e ...

6 - Cantar Let it go, caso caia neve, kkkk (brincadeira)

Semana 11: Meus brinquedos preferidos na infância eram:


Nesta semana não tenho muito o que dizer sobre os brinquedos da minha infância, então irei sómente lista-los aqui.

1 - Mola colorida

2 - Vai-vem

3 - Bichinho virtual

4 - Jogo da Pescaria

5 - Barbie
Postagens mais antigas Página inicial
Tecnologia do Blogger.

Semana 15: O que há de pior no mundo virtual?

Fonte: Pinterest A imagem a cima é um belo exemplo das coisas ruins que se sucederam com a chegada da internet. Existe maior preocupaç...

Arquivos

Configure your calendar archive widget - Edit archive widget - Flat List - Newest first - Choose any Month/Year Format

Pesquisar este blog

Blog archive

Siga pelo Email

Subscribe

Popular Posts

Blogger templates

Blogger news


Denise - Cristã, Escritora e apaixonada por Artes. Nasceu em Araputanga-MT e atualmente mora em Sinop-MT onde cursa Licenciatura Plena em Letras pela Unemat. Apaixonada por comédias românticas tenta passar para o papel toda a essência do amor.

Flickr Images

Like us on Facebook

Blogroll

About